As crianças são seres cósmicos

Sentir-se em casa é encontrar abrigo num todo maior”. (Dieter Duhm) O cuidar com respeito e a proteção da vida de todos os seres do nosso planeta azul estão acima de tudo. Cada criança e cada adolescente carrega uma semente humanitária e de compaixão. Cuidar dela e fazê-la crescer é o objetivo mais importante da Escola da Esperança.

 “Vi o mundo sem nenhuma barreira,Sem guerra, nem medo algum, então, Capitão, dê a ordem: Atravessemos a próxima fronteira...” (Em: “Moon Rider”, palavras do astronauta Eugene Cernan)

Os astronautas têm a oportunidade única de observar a Terra desde uma grande distância. Conseguem assim ver algo que, nos afazeres quotidianos da nossa vida terrena, perdemos de vista: uma Terra onde poderia não existir violência e guerra, sem limites, sem medo.  

As crianças são como os astronautas. Continuam a observar as coisas com uma certa distância interior, tranquilamente, cheias de simpatia e de compaixão. Veem um mundo de paz e de justiça, um mundo em que são capazes de perceber a linguagem dos animais, um mundo cheio de encantamentos e grandes descobertas. O que está latente nos seus sonhos infantis contém um poder de concretização para o nosso futuro. Na Escola da Esperança, esta harmonia fundamental da alma infantil, cósmica e cheia de esperança, deve poder expandir-se.

As crianças não devem aprender somente a estabelecer relações, mas também experienciar a magia e a beleza da vida. Para que a aprendizagem aconteça é preciso tempo e espaço para que possamos admirar o milagre da criação, a lógica funcional e os poderes curativos da vida, o céu estrelado à noite e a beleza multifacetada das plantas e dos animais. As crianças e os adolescentes devem poder desenvolver o seu imenso potencial espiritual e mental, fortalecer a sua personalidade e ser encorajados a lutar pelos seus sonhos.

As crianças e os jovens são os portadores e criadores do futuro do nosso planeta. Cada criança traz consigo o poder autêntico e direto para a paz. Para proteger e fortalecer este poder, as crianças necessitam de um espaço com honestidade e confiança onde possam viver e aprender, e onde se sintam em casa.